FEPSP-RS defende a regulamentação da profissão para combater a informalidade do setor

Escrito por Administrador. Publicado em Notícias em destaque

segurancas-para-eventos-em-ribeirao-preto

Pagar pela informalidade é mais barato, o que explica a expansão do mercado da vigilância ilegal em Caxias do Sul. De acordo com o Sindicato Profissional dos Vigilantes de Caxias do Sul e Região da Serra Gaúcha, o custo com um profissional devidamente treinado e registrado na Polícia Federal é de R$ 28 por hora. Leia mais...